Cold Kiss by Amy Garvey

Friday, July 8, 2011
Cold Kiss conta estoria de Wren, uma garota nada comum. Wren sempre viu sua mae fazer coisas diferente... especiais: esquentar o bule para cha sem ligar o fogao, queimar folhas no quintal sem forforo, ligar e desligar luzes estando longe do interruptor. Porem isso sempre foi assunto proibido dentro de casa. Claro que, com uma certa idade, Wren tambem comeca a sentir os poderes, aquela eletricidade correndo em suas veias. Ela nao sabe o que fazer, a mae nao permite o assunto dentro de casa. Ela corre e procura ajuda com uma tia.

A tia de Wren diz que ela vem de uma familia de bruxas. Todas as mulheres da familia tem o poder. Ela ensina coisas basicas para ela, como controlar melhor o poder. Porem Wren eh muito poderosa, e sem um treinamento ou instrucao, ela acaba fazendo coisas alem do seu proprio controle.

O namorado de Wren morre num acidente de carro. Isso nao eh spolier, pois quando o livro comeca ele ja esta morto. Ele foi o primeiro amor de Wren, e ela se ve destrocada, nao sabe viver sem ele. No desespero de te-lo novamente, Wren faz uma magia e tras o namorado Danny de volta a vida. Porem Danny nao eh como ele era anteriormente: nao existe batimento cardiaco, sua pele eh sempre fria, ele sempre tem pensamentos deslocados, distantes... Wren queria o amor de volta, mas infelizmente ele nao voltou como ela queria. 

O que acontece eh que um novo garoto comeca a conquistar o coracao de Wren. Porem ela tem que cuidar de Danny, que esta escondido em um lugar e ninguem pode saber que ele esta la. E agora? O que ela ira fazer?

A primeira coisa que eu notei quando comecei a ler o livro foram os tipos de palavras e os arranjos que a autora faz nas frases. Palavras bonitas, profundas, com arranjos tao bem escritos que tive impressao que estava lendo poesia. Impossivel negar que a autora nao tem talento para escrever. Os sentimentos da personagem principal sao muito sofridos, e o leitor sofre junto. Impossivel nao sofrer quando eh tudo escrito com tanta sensibilidade, com palavras bonitas e sofridas.

Eh uma estoria de perda, amadurecimento e crescimento. Entender que perdas acontecem, que sofremos mas devemos aprender e crescer. Eh um ensinamento bonito, mas infelizmente a estoria nao me prendeu. Tudo muito previsivel, e muitas coisas foram bastante repetitivas. Acho que o fato do namorado ja estar morto e ressucitado antes do livro comecar, cortou uma grande parte do entendimento do porque ela fez, como ela fez, etc. Eu li, mas estava desesperada pra acabar, porque eu ja sabia como terminava. Eu queria que a autora tivesse mostrado mais coisas, envolvido a familia da menina melhor na estoria. Nao sei se ela ficou guardando informacao para um segundo livro da serie (nem sei se tera um segundo!). Esse foi um livro que eu queria muito ter gostado, a autora eh taletosa para escrever, mas a estoria nao ajudou.

*Nivel de Ingles: Medio

8 comments

  1. A história parece ser legal, porém eu não leio nada com bruxas/bruxos... :P

    ReplyDelete
  2. Nossa Livia voce me pegou nessa resenha hein! rs.
    Eu fui lendo até quando me deparei com a ultima frase, eu tinha jurado que você tinha gostado do livro, achei a historia bem diferente, fiquei com vontade de conferir.

    ReplyDelete
  3. Hey,

    A história parece ser muito boa :D
    E a capa é muito bonita ._.

    Beijos :*

    ReplyDelete
  4. A idéia parece muito legal mesmo. Mas se você diz que não prende...
    Livros previsíveis são um saco.

    ReplyDelete
  5. Quando eu li a sinopse achei que esse livro fosse ótimo, mesmo que ele já parecesse previsível pelo enredo.
    Ainda tenho vontade de ler ele, mas com bem menos pressa.

    ReplyDelete
  6. Que pena, a capa é tão bonita...

    ReplyDelete
  7. Esta semana esta capa apareceu no blog, na postagem de capas rsrrs Uma das meninas escolheram ela é linda e pelo que vc disse a historia também. Quero ler =) Ótima resenha Lívia.

    Bjkss
    Ká Guimarães

    ReplyDelete
  8. E agora? Fiquei na dúvida! Teoricamente parece muito legal, mas vc falando assim que é história de perda blabla me desanima pq não curto isso...

    ReplyDelete

Thank you for your comment! =)